Fases da modelagem








Conheça as 7 fases da modelagem de forma mais técnica e também as possibilidades em cada processo de construção do diagrama dos moldes...







No post de hoje, eu trago um assunto que eu acredito ser muito interessante, e essencial para quem sabe modelar ou para quem quer aprender. E nele, você vai conhecer cada fase da modelagem de uma forma mais técnica.

No curso de Modelista que fiz no Senai da minha cidade (Ourinhos - sp), depois te ter aprendido e entendido cada fase da modelagem, fazia, refazia e fazia de novo cada um desses processos durante o curso, e graças a prática, hoje tenho uma dificuldade mínima de realizar ou criar um molde novo. E a modelagem é como se fosse a ''alma'' de uma roupa, onde, cada medida é extremamente importante, para que no resultado final, tudo saia como o esperado.

Vou deixar as 7 fases de uma modelagem com imagens (desenhos meus improvisados), para vocês entenderem cada passo.

1 - Interpretação do modelo
Tudo começa com a ideia do modelo desejado da roupa, onde, através de uma foto ou desenho dele, conseguimos observa-lo de uma forma mais ampla, todos os detalhes que ele contém, fazendo um tipo de analise do tamanho, tipo de costura, tecido, aviamentos contidos e formas diversas.



2 - Construção do diagrama
''Diagrama'' nada mais é, que o desenho do molde. E nessa etapa de construção do diagrama, usamos as medidas fundamentais que darão a forma para o nosso molde.


3 - Preparação do molde base
Todo molde que possui apenas medidas fundamentais, é chamado de molde base, e na etapa de preparação, nós iremos separar cada parte do molde (Dianteiro e Traseiro) em um tipo de transporte (em outro papel, usando carretilhas ou furos), obtido através do primeiro diagrama. E então, colocarmos todas as informações necessárias como: piques, furos, sentido do fio e o tamanho do molde.


4 - Adaptação de modelo
Através de todo molde base, conseguimos fazer a adaptação de modelo. Essa etapa, usamos medidas complementares, onde podemos adicionar ou retirar medidas, e transformar completamente o modelo inicial do diagrama do molde.

Na imagem abaixo, o molde base da saia reta, teve alterações como: afunilamento a partir do quadril, adição de bolso e diminuição na altura da cintura.


5 - Plano de corte
No plano de corte, iremos fazer mais uma vez o transporte dos moldes, e adicionar a margem de costura. Dessa forma, o molde estará pronto para ser posicionado no tecido e dar início ao processo de confecção da peça piloto.

6 - Prova e correção
Após o plano de corte, vem a etapa de confecção da peça piloto, onde, depois de pronta, analisamos o caimento da roupa. E se necessário, são feitas alterações no molde, para que então, se possa confeccionar a peça definitiva e com o caimento perfeito. E com o molde testado, é possível fazer o estudo de encaixe dos moldes no tecido, para calcular a metragem de tecido necessária, evitando desperdícios.

7 - Graduação
Depois do molde testado e aprovado, é possível partir para a graduação, onde se realiza a ampliação e redução dos moldes, a partir de um único tamanho.
Fiz esse desenho para vocês terem uma ideia de como é, o que lembra bastante um gabarito. Mas, existe todo um processo por trás para executa-lo. 


Você aí, consegue ver agora a importância e o valor tamanho de um molde? Pois é, tem gente que acha que esse processo é uma bobagem, e que é só pegar a roupa pronta, colocar sobre papel, fazer o desenho das curvas e pronto. Tudo bem, nada contra, mas a chance de ter dores de cabeça e depois não conseguir resolver o problema, são gigantescas :/ 
É claro que, não há necessidade  de toda vez que for fazer um molde, fazer cada processo desse, ainda mais dos transportes, mas, é interessante saber as possibilidades que você consegue ter através desses processos, sem contar na organização que seus moldes ganham <3

Fiz esse post para ir preparando vocês, pois,  logo mais começa a maratona de vídeos de modelagem e montagem de peças, que vai ser um grande passo aqui no blog e no canal do youtube :)

Por hoje é isso queridos, e espero que vocês tenham gostado e que de alguma forma tenha sido útil <3

Super mega beijo e até breve,
Patria.




Comentários

  1. ADOREI esta postagem!! Muito bem elucidativa sobre a importância de uma boa modelagem.
    É como os alicerces de uma casa, modelagem é essencial, é o caimento da roupa, é o sob medida.
    E já aguardo ansiosa pelos teus vídeos de modelagem e montagem.

    Parabéns.
    Feliz 2016.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fatinha querida!
      Pois é, esses processos são tudo na vida de uma roupa, e conhece-los e saber executa-los da toda a diferença na hora da costura e também criação. Fico muito feliz em saber que gostou, e loguinho os vídeos vão começar a sair rs

      Super beijo querida, muito obrigada e feliz 2016 pra nós! =*

      Excluir
  2. Olá Patricia, tudo bem? eu adorei a explicação, pretendo aprender a costurar nesse ano, vou acompanhar seus videos e dicas no blog, muito obrigada.

    ResponderExcluir
  3. Olá Katia, tudo ótimo e contigo?
    Fico feliz em saber que gostou do post, e mais ainda em saber que logo irá começar a costurar, você vai amar!
    Obrigada por acompanhar, e seja bem-vinda sempre!

    Super beijo,
    Patria.

    ResponderExcluir
  4. Olá Patrícia, adorei suas informações e foi muito útil também o vídeo sobre a interlock muito bem explicado.vc esta de parabéns. Aguardo ansiosa pelos próximos vídeos. Um abraço e muito obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lara, tudo bem?
      Ai que bacana, fico muito contente em saber, meu objetivo é poder ajudar. Muito obrigada pelo carinho, e logo logo sai os vídeos! rs

      Beijos querida! =*

      Excluir
  5. Olá Patrícia, adorei suas informações e foi muito útil também o vídeo sobre a interlock muito bem explicado.vc esta de parabéns. Aguardo ansiosa pelos próximos vídeos. Um abraço e muito obrigada!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Passo a passo: Como fazer e aplicar viés